Barreiras Bahia - Fotos, videos e notícias.

Barreiras Bahia - Fotos, videos e notícias.

Barreiras tem medalhista na OBMEP 2017

Barreiras tem medalhista na OBMEP 2017

A divulgação do resultado da 13ª edição da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP 2017) trouxe boas notícias para 14 alunos matriculados em seis escolas municipais de Barreiras. Eles conquistaram menção honrosa no desafio, realizado em duas etapas, este ano.

O estudante Miller Samir de Carvalho Santos, do Centro Educacional Sagrado Coração de Jesus conquistou medalha de bronze na competição.

Além dele, os alunos Ester dos Santos Silva, Othon Vieira Reis, Sarah Bianca Pacheco, Bruna Luiza Oliveira, Ironildo Porto Junior, Guilherme Vieira Galvão e Maria Beatriz Passos, também do Sagrado, foram destaque. Pelo CAIC, a menção foi para a estudante Uislane Pereira de Souza.

A aluna Emylle Carvalho Nascimento levou o nome do Centro Educacional Luiz Viana Filho para o cenário nacional.

O Colégio Municipal Eurides Sant’Anna foi agraciado pela conquista de Ângela Dias Monteiro e Rainara do Vale Novais.

Destaque ainda para Akemi Iassama dos Santos da Silva, do Colégio Municipal Padre Vieira e João Victor da Costa Freitas, representando a Escola Municipal Costa Borges.

“Essas Olimpíadas são realizadas em todo Brasil com vista a medir o desempenho dos alunos e estimular o gosto pela Matemática.

Conseguir menção honrosa já é muito bom, imaginem ganhar medalhas. A medalha de Bronze conquistada pelo estudante Miller Samir é motivo de muita satisfação. Isso é o reconhecimento pelo empenho das escolas na tarefa de ensinar.

Principalmente do Colégio Sagrado Coração de Jesus, que se destacou consideravelmente frente a outras unidades escolares.

Todos envolvidos, do Colégio Sagrado, do CAIC, da Escola Eurides Sant’Ana, Luiz Viana, do Colégio Padre Vieira e da Escola Costa Borges, estão de parabéns”, avaliou a secretária de educação de Barreiras, Cátia Alencar.

A OBMEP é destinada a estudantes do 6º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio e nesta edição participaram 18,2 milhões de alunos brasileiros, representando 51.373 instituições de ensino, abrangendo 99,6% dos municípios do País.

A novidade desta 13ª edição é que as escolas particulares integraram a olimpíada, pela primeira vez.

Cada escola inscrita aplicou e corrigiu as provas, seguindo as instruções e os gabaritos elaborados pelo Instituto de Matemática Pura Aplicada (IMPA), que realiza a olimpíada.

 

Fonte: http://barreiras.ba.gov.br