De volta ao CAB: Prefeitura dá início ao processo de transferência dos feirantes que estão provisoriamente no Estádio Geraldão.

Com as obras de construção dos Pavilhões 2 e 3 do Centro de Abastecimento de Barreiras em fase de conclusão, a Secretaria de Agricultura, Tecnologia, Indústria e Comércio deu início ao processo de transferência dos feirantes para seu local de origem. O primeiro passo será a publicação pela Prefeitura do decreto que regulamentará as atividades de cerca de 500 feirantes que ocuparão o pavilhão reconstruído, bem como, o que foi recuperado após o incêndio.

Segundo José Marques, secretário municipal de agricultura, além de algumas intervenções pontuais de acabamento que estão sendo realizadas na estrutura física do CAB, este é o momento de organizar os procedimentos legais e as regras que disciplinam as atividades comerciais no local. A lista com os nomes dos feirantes convocados será publicada em Diário Oficial e na sede da secretaria.

“Convocaremos os feirantes para assinatura do termo de utilização do espaço e entrega do material de identificação. Após a finalização dessa etapa com todos eles, será autorizada a transferência física de produtos e equipamentos. Entendemos a ansiedade, mas é preciso que tudo seja feito de forma legal e dentro do que indica a lei para evitar transtornos futuros”, explicou José Marques. 

A Prefeitura apresentará o projeto das novas instalações assim como o regulamento aos feirantes e entidades com o objetivo de fortalecer as parcerias, sanar dúvidas e proporcionar o diálogo com os envolvidos.

Desde que ocorreu o incêndio que consumiu um pavilhão e danificou outro no CAB em 2017, que parte dos feirantes estão trabalhando, provisoriamente, na área externa do Estádio Geraldão, comercializando frutas, verduras, temperos, biscoitos, dentre outros produtos.

 

Fonte: barreiras.ba.gov.br

 

Mães do Km 30 ganham Dia de Beleza e homenagens na Escola Municipal Manoel Rocha Filho.

Para realçar a beleza e auto estima das mães do assentamento Zequinha Barreto no Km 30 e Vereda das Lages, a Escola Municipal Manoel Rocha Filho com o apoio da Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, realizou nessa segunda-feira, 15, uma homenagem especial as mulheres das comunidades com um “Dia de Beleza”, apresentações dos alunos e muita música na área externa da unidade escolar.

As mães puderam escolher um novo visual, cortaram e escovaram os cabelos e ganharam maquiagem, aprovando o resultado e a acolhida da gestão escolar. A movimentação iniciou nas primeiras horas, e uma extensa fila foi formada expressando o desejo de embelezar.

O evento foi coordenado pela diretora Rosana Silva Santos, e aconteceu em parceria com a Academia de Cabelereiros Ângelo Patrício, que levou toda estrutura de aprendizes e produtos para deixar as mães mais bonitas. Para o empresário e cabeleireiro Ângelo, os profissionais receberam em troca da solidariedade muito carinho. “Não tem preço que pague participar de uma ação assim, que mostra como a nossa profissão é bonita. A primeira mãe que atendi hoje me retribuiu com um abraço e um Deus te abençoe”, disse.

Dona Eva, ficou emocionada ao ver uma nova imagem no espelho e agradeceu a equipe. “Estou me sentindo muito bem, cortei o cabelo e ganhei um novo visual. Agradeço as pessoas que atenderam, porque mesmo na zona rural temos que valorizar nosso lado feminino”, disse.

O ritmo sertanejo de Elias Camargo também alegrou o ambiente, reunindo a comunidade escolar no café da manhã preparado para receber mais de 90 mães que compareceram. Ainda durante a manhã, os alunos apresentaram homenagens, teatro, dança e poesias alusivas.

A secretária Cátia Alencar, acompanhada da diretora do campo, Aida Carvalho e a equipe de gestão escolar do campo compareceram ao evento. “Nossas escolas municipais realizaram lindas homenagens as mães durante toda semana, e hoje recebemos o carinho das mulheres da localidade do Km 30, que ganharam este dia dedicado a beleza e agradecimento. A educação também é isso, é valorização do ser humano, melhoria da auto estima e qualidade de vida”, finalizou a secretária.

Fonte: barreiras.ba.gov.br