Barreiras está entre as 10 cidades mais empreendedoras

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em Barreiras o número de empreendedores individuais que se formalizam vem aumentando vertiginosamente, prova disso, são os dados fornecidos pelo Portal do Empreendedor, onde Barreiras está entre as 10 cidades da Bahia com maior número de empreendedores individuais regularizados.

 

 

De acordo com o Sebrae atualmente a cidade possui 2.753 empreendedores individuais, na região oestede 2010 até agosto deste ano foram registrados 8.705 empreendedores individuais,sendo 588 em Barreiras.

 

“Procurei o Sebrae logo que decidir abrir a minha empresa, acho muito importante o micro-empresário estar regularizado, pois facilita e muito a nossa vida em relação a abertura de conta e na aquisição de empréstimos bancários”, disse a micro-empresária Erica Patrícia Tavares,proprietária do salão de beleza Louro Cabeleleiro.

 

O empreendedor individual é a pessoa que trabalha por conta própria e que se legaliza como empresário. Para ser um empreendedor individual, é necessário faturar no máximo até R$ 36.000,00 por ano, não ter participação em outra empresa como sócio ou titular e ter um empregado contratado que receba o salário mínimo ou o piso da categoria.

 

A regularização do empreendedor gera uma série de benefícios, como: regularização do negócio e alvará emitido pela prefeitura, aquisição de CNPJ; possibilidade de abertura de conta em banco e o acesso a crédito com juros mais baratos; ter endereço fixo para facilitar a conquista de novos clientes; apoio técnico do Sebrae; cobertura da Previdência Social para o empreendedor individual e para a sua família;  possibilidade de negociação de preços e condições nas compras de mercadorias para revenda, com prazo junto aos atacadistas e melhor margem de lucro, emissão de nota fiscal para venda para outras empresas ou para o governo e dispensa da formalidade de escrituração fiscal e contábil.

 

Os documentos necessários para a legalização são: identidade, CPF, comprovante de residência e número do recibo de Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física. Caso o trabalhador não tenha declarado, será solicitado título de eleitor.

 

O único custo da formalização é o pagamento mensal de R$ 31,10 (INSS), R$ 5,00 (Prestadores de Serviço) e R$ 1,00 (Comércio e Indústria) por meio de carnê emitido exclusivamente no Portal do Empreendedor.  O registro é gratuito epode ser feito pelo Portal do Empreendedor, no endereço eletrônico www.portaldoempreendedor.gov.br.

 

 

 

Maiores informações:

Secretaria de desenvolvimento da indústria, comércio, serviços, mineração e turismo (SICMTUR): (77) 3614-7132