Mulher é encontrada morta com o corpo queimado em Barreiras

A jovem Jackeline de Souza Soares, de 18 anos, foi assassinada e queimada num lote baldio localizado na rua do canal que corta as Avenidas Castelo Branco e José Bonifácio, no bairro Santa Luzia, na cidade de Barreiras.

 

Jackeline foi encontrada morta e queimada no início da desta manhã de terça-feira, 15, por volta das 6h. Policiais Militares da CETO/PELOPES foram os primeiros a chegarem ao local isolando a área até chegada da perícia técnica.

Foto reprodução Blog Sigi Vilares

O irmão da vítima esteve no local para reconhecer o corpo, já que parte da face, cabeça, tórax, até a altura da cintura, estava totalmente queimado e de difícil identificação, ficando apenas as pernas com menor queimadura. Havia ainda um arame enrolado no pescoço da vítima.

Três tatuagens nas duas pernas estavam visíveis e facilitou na identificação por parte do irmão da vítima. Na perna direita, na altura da canela, havia duas tatuagens. Uma é o desenho de dois corações escrito com o nome da mãe, já a outra tatuagem era o desenho de um beija flor.

 

Uma terceira tatuagem foi encontrada na perna esquerda, também na altura da canela, o desenho do rosto de uma índia.

 

De acordo ainda com informações, Jackeline era usuária de crack e esteve presente na cena do crime ocorrido no início da noite de domingo, 15, também no bairro Santa Luzia. Mas a polícia civil ainda investigará se há algum envolvimento da mesma neste crime.

Além da PM, as policias civil e técnica estiveram no local. A perícia foi realizada e o corpo encaminhado para o IML para ser necropsiado.

 

Repórter Jadil Luiz/Blog do Sigi Vilares

http://www.sigivilares.com.br/index.php?opcao=2a&id=6983