Requisitos para solicitar o Fies sem fiador

Para os estudantes que tenham dificuldade em apresentar fiador para solicitar o financiamento, o MEC oferece uma modalidade do Fies em que não há essa exigência. Confira os detalhes.

O sonho de ingressar no ensino superior muitas vezes acaba ficando mais distante, por causa da enorme concorrência nas instituições públicas e também devido aos altos preços das mensalidades nas universidades particulares.

Para facilitar a realização desse sonho existe o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), desenvolvido pelo Ministério da Educação (MEC), que financia parcial ou totalmente a graduação na educação superior dos estudantes matriculados em instituições privadas e com avaliação positiva do MEC.

Os beneficiados com o Fies pagam apenas R$ 50,00 a cada três meses, durante o período de duração do curso, referentes aos juros incidentes sobre o financiamento. Após a conclusão do curso, há uma carência de 18 meses, a partir da qual o saldo devedor poderá ser parcelado em até três vezes o período financiado, acrescido de 12 meses.

Apesar de todas as facilidades, é necessário apresentar um fiador como garantia de quitação da dívida, exigência que impossibilita o acesso ao Fies por parte de muitos estudantes. Porém, em 2010 foram implantadas algumas mudanças no sistema, que resultaram na criação do Fies sem fiador.

 

Requisitos para solicitar o Fies sem fiador

Com as alterações, foi criado o Fundo de Garantia de Operações de Crédito Educativo (Fgeduc), que funciona como um fiador para os estudantes com dificuldade em apresentar o fiador na assinatura do contrato. Esse sistema é de adesão voluntária por parte das instituições e aquelas que não aderiram à modalidade continuam a oferecer o Fies convencional.

Podem solicitar o Fies sem fiador os estudantes matriculados em cursos de licenciatura e aqueles que tenham renda familiar mensal per capta de até um salário mínimo e meio. Além disso, também estão aptos a recorrer ao benefício os bolsistas parciais do Prouni que optem pela inscrição no Fies no mesmo curso em que possuem a bolsa.

Caso tenha concluído o ensino médio a partir do ano letivo de 2010, é necessário ter feito o Enem 2010 ou posterior para solicitar o Fies. Para quem se formou antes de 2010, não há essa exigência.

 

 

Como se inscrever para o Fies sem fiador

Para se inscrever no Fies sem fiador, é necessário confirmar se a instituição na qual pretende estudar aderiu a essa modalidade. Posteriormente, você deve acessar o site do SisFies, preencher o formulário e comparecer à Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA) na instituição onde estuda, em até 10 dias após se inscrever.

Confirmadas as informações e validada a sua inscrição, você deve ir a uma agência do Banco do Brasil ou da CAIXA, conforme sua escolha, para contratar o financiamento.

 

Outras informações estão disponíveis no site do Fies.

Fonte - Mundo das Tribos